Confirmadas

ed. Algarve - Porto e Lisboa

 

entrar

A Criança que não quer comer:
Compreenda as interconexões do seu universo para melhor ajudá-la.

ed. Lisboa e Porto.
2019

 

FORMADORA INTERNACIONAL

Fonoaudióloga: Patrícia Junqueira

 

Lisboa
26 e 27 de
Outubro 2019

Porto
02 e 03 de
Novembro 2019

Enquadramento

- A alimentação infantil tem sido foco de estudo e preocupação em todo o mundo. Qualidade e quantidade do que se oferta a uma criança com frequência é assunto nos noticiários, redes sociais, bem como tema de publicações científicas nas mais diversas áreas(1).
- Talvez por isso, mães de todo o mundo, têm a cada dia se preocupado ainda mais quando o assunto é a alimentação dos filhos. Quando, por um motivo ou outro, essas mesmas mães se deparam com um filho que reluta em comer ou que apresenta alguma dificuldade nesse processo, ocorre uma grande ansiedade e busca por auxílio especializado.
- Devido à complexidade do aprendizado alimentar, que envolve uma série de condições orgânicas, orais, sensoriais, emocionais, bem como um ambiente facilitador e motivador, nem sempre fica claro se há de fato um problema e como resolvê-lo.
Pesquisas indicam que cerca de 30% das crianças com desenvolvimento normal podem encontrar algum tipo de desafio com sua alimentação.
- O terapeuta de fala é um profissional indispensável para o diagnóstico e tratamento da criança com desafios alimentares e necessita estar capacitado para atuar com a crescente demanda dessa população.

Objectivos Gerais

- Apresentar ao terapeuta de fala uma proposta de atuação mais ampliada, que possa colaborar com a compreensão da complexidade alimentar infantil, bem como com a atuação à crescente demanda de crianças que apresentam desafios em sua alimentação.
- Proporcionar aos alunos uma aprendizagem teórico-prática no âmbito da intervenção do terapeuta da fala nas dificuldades alimentares infantis.

Objectivos Específicos

- Compreender o papel da interação entre crenças e atitudes, os aspectos da comunicação, conforto gastrointestinal, processamento sensorial, posicionamento, e habilidades orais no desenvolvimento das refeições;
- Identificar os aspectos fundamentais que influenciam a habilidade da criança comer e beber alegremente e com eficiência;
- Entender e implementar o conceito de Divisão de Responsabilidades durante as refeições;
- Ajudar a criança a desenvolver a confiança e segurança em sua relação com os alimentos;
- Introduzir novos sabores e consistências na dieta da criança;
- Criar uma refeição positiva para as crianças;
- Desenvolver um programa de tratamento baseado na confiança, que possa alimentar a capacidade da criança para se desenvolver e aprimorar suas habilidades para se alimentar.

Processo de
Avaliação da Formação

Exame de diagnóstico de conhecimento escrito com 5 perguntas. Cada pergunta com 5 alíneas afirmativas. Todas as alíneas para escolha se Verdadeira ou Falsa a afirmação.
O exame realizar-se-á logo ao término da formação.

Certificação

Formação Profissional certificada pela DGERT - Direcção-Geral do Emprego e das Relações do Trabalho, através da plataforma
SIGO.

Metodologia

- Explicação teórica, recorrendo aos métodos expositivo, demonstrativo e interrogativo, bem como ao método activo na componente prática.
- Discussão de casos clínicos.

Duração

16 horas

Local das aulas

O Instituto E.pap
Av.António Serpa, nº 32 - 3D
Salas de Formações - 1º andar
1050-027 - Lisboa

Porto
Hotel Ibis - Porto São João
Sala de formação: São João
R. Dr. Plácido da Costa
4200-450 - Porto
GPS N 41º 10` 48.46`` / W 8º 36´ 15.29``

Horário

Lisboa - sábado 26 de Outubro de 2019
10:00 — 13:00 das 14:00 — 19:00.

- Domingo 27 de Outubro de 2019
09:00 — 13:00 das 14:00 — 18:00.

Porto - Sábado 02 de Novembro de 2019
10:00 as 13:00 das 14:00 as 19:00.

- Domingo 03 de Novembro de 2019
09:00 as 13:00 das 14:00 as 18:00.

Dirigido a

Terapeutas da Fala e
estudantes do 4º ano da licenciatura em Terapia da Fala e outras áreas da saúde

Número de Clausus

Mínimo . 15 alunos

Máximo . 20 alunos

Prazo de inscrições

Lisboa e Porto até 16 de Setembro de 2019

Investimento

- Valor Total: 240.€ (duzentos e quarenta euros)
* 50€ no acto da Inscrição

* + 2 parcelas de 95€ cada
(as parcelas só deverão ser efectuadas após a confirmação da formação pelo Instituto E.pap)

Más información

Outras Informações

O Instituto E.PAP se reserva o direito de não oferecer a Formação Profissional se não for preenchido o número mínimo de vagas.

Partner

Formador

voltar ao menu

Patrícia Junqueira - Fonoaudióloga

CV

Programa

voltar ao menu

1.

- Compreender o papel da interação entre crenças e atitudes, os aspectos da comunicação, conforto gastrointestinal, processamento sensorial, posicionamento, e habilidades orais no desenvolvimento das refeições;
- Identificar os aspectos fundamentais que influenciam a habilidade da criança comer e beber alegremente e com eficiência;

2.

- Entender e implementar o conceito de Divisão de Responsabilidades durante as refeições;
- Ajudar a criança a desenvolver a confiança e segurança em sua relação com os alimentos;
- Introduzir novos sabores e consistências na dieta da criança;

3.

- Criar uma refeição positiva para as crianças;
- Desenvolver um programa de tratamento baseado na confiança, que possa alimentar a capacidade da criança para se desenvolver e aprimorar suas habilidades para se alimentar;

4.

- Discussão de Casos Clínicos.