Roncopatia e AOS: Diagnóstico e Tratamentos Interdisciplinares

ed. Lisboa . 2018

entrar

créditos de imagem: Sleep Series, 2014, costura em almofada
Cortesia da artista ©Maryam Ashkanian (IRN)

Lisboa 19, 20, 21 e 22 de abril de 2018

Objetivos

Com abordagem interdisciplinar, o curso habilita os profissionais médicos, médicos dentistas, fisioterapeutas, terapeutas da fala, técnico de cardiopneumologia, neurofisiologistae e psicólogos envolvidos na área do sono a identificar os distúrbios respiratórios do sono, conhecer métodos de diagnóstico e os tratamentos para roncopatia e apneia obstrutiva do sono em várias áreas de abrangência profissional.

Certificação

Formação certificada pela DGERT - Direção-Geral do Emprego e das Relações do Trabalho. O Certificado de Formação Profissional é emitido gratuitamente no fim da formação, se o formando obtiver aproveitamento. Emissão ao abrigo da Portaria 474/2010 de 8 de Julho, através do Sistema de Informação e Gestão da Oferta Educativa e Formativa (SIGO) e após a realização do exame de avaliação de diagnóstico de conhecimentos da formação, que será realizado no último dia da formação. As perguntas serão de escolha múltipla com questões Verdadeiras ou Falsas.

Horário

32 horas de aulas teórico-práticas

Quinta-feira, 19 de abril de 2018 das 09h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h (8 horas)
Sexta-feira, 20 de abril de 2018 das 09h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h (8 horas)
Sábado 21 de abril de 2018 das 09h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h (8 horas)
Domingo 22 de abril de 2018 das 09h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h (8 horas)

Destinatários

Médicos, enfermeiros, terapeutas da fala, médicos dentistas, fisioterapeutas, psicólogos, técnicos de cardiopneumologia e neurofisiologistas.

Número Clausus

Mínimo . 25 - Máximo . 30

Local das aulas

Lisboa
Instituto epap
Av. António Serpa, 32
1050-065 Lisboa, Portugal.

Investimento

Inscrição 360€ ou 3 parcelas de 120€ *

* A última prestação deve ser liquidada até 3 dias antes do início da formação.

Prazo de inscrição

LISBOA até dia 16 de abril de 2018

Parceiro

Apoio

Outras informações

1. O Instituto epap reserva o direito de não realizar a formação se não for preenchido o número mínimo de vagas;
2. No caso de desistência, não existirá lugar à devolução de valor de parcelas;
3. Para inscritos sem domicílio fiscal e autorização de residência em Portugal o certificado da formação será emitido apenas pelo Instituto epap, não tendo direito ao recebimento de certificado emitido através da plataforma SIGO com reconhecimento da DGERT.

Coordenação

voltar ao menu

Professora Doutora Esther Bianchini

Formadores

voltar ao menu

Esther Bianchini

Fonoaudióloga pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) CRFa 1773/SP; Especialista em Motricidade Orofacial pelo Conselho Federal de Fonoaudiologia (CFFa 018/96); Certificada em Fonoaudiologia do Sono (ABS 04/2016); Mestrado em Distúrbios da Comunicação pela PUCSP; Doutorado em Ciências: Fisiopatologia Experimental pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo - FMUSP; Professora do Programa de Estudos Pós Graduados da PUC-SP; Coordenadora da Comissão de Fonoaudiologia da Associação Brasileira do Sono (ABS); Diretora da Clínica de Reabilitação Miofuncional Orofacial EBianchini Fonoaudiologia Ltda, São Paulo, Brasil.

Miguel Meira e Cruz

Mestre em Ciências do Sono pela Faculdade de Medicina de Lisboa; Pós Graduado em Medicina do Sono pelo Royal College of Edimburgh; Titulo de Master en Fisiologia y Medicina del Sueño pela Universidad Pablo Olavid Sevilla; Pós Graduado em Doenças Respiratórias e do Sono na Criança pela Faculdade de Medicina de Lisboa; Investigador no Laboratório de Função Autonómica Cardiovascular da Fac. Medicina de Lisboa; Professor Convidado de Medicina do Sono da Facultad de Ciencias Médicas de Santa Clara, Cuba; Consulta de Sono do Hospital SOERAD, Torres Vedras; Presidente da Associação Portuguesa de Cronobiologia e Medicina do Sono.

Ana Bernarda

Licenciada em Cardiopneumologia pela Escola Superior de Saúde Egas Moniz. Em 2005, iniciou o percurso profissional associado à área de Diagnostico de Sono no Laboratório de Sono do CHLC- departamento de Neurologia. Integrou em 2009 a equipa da Gasin Médica, que posteriormente passaria a ser Linde Saúde, como responsável de Diagnóstico de Sono a Sul.

Erica Batalha

Licenciada em Cardiopneumologia pela Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Coimbra; Assume funções de Clinical Sales Specialist desde 2006 na Linde Saúde. Responsável pelo Diagnóstico de Sono na Região Centro desde 2016.

Helder Simão

Licenciado em Cardiopneumologia pela Escola Superior de Tecnologias da Saúde de Lisboa. Pós Gradução em Ciências do Sono pela Faculdade de Medicina de Lisboa. Mestre em Gestão da Saúde pela Escola Nacional de Saúde Pública. Experiência na área de diagnóstico de patologias do sono, enquanto profissional do Hospital Distrital de Santarém, EPE. Co-responsável pela área de diagnóstico do sono – Sul, na Linde Saúde, até ao presente dia.

Tiago Martins

Licenciado em Cardiopneumologia pela Escola Superior de Saúde do Porto; Mestre em Informática Médica pela Faculdade de Medicina da Universidade do Porto; Experiência na área do Diagnóstico de Sono, integrando a equipa da Linde Saúde com funções de responsável de Diagnóstico de Sono – Norte desde 2016.

Conteúdos Programáticos

voltar ao menu

tema

Abordagem Médica e Odontológica aos Distúrbios do Sono

TM1

. Fisiologia do sono: sono normal e suas funções;

TM2

. Fisiopatologia do sono (classificação dos distúrbios do sono e níveis de gravidade);

TM3

. Roncopatia e apneia obstrutiva do sono: Etiologia, fatores de risco e epidemiologia;

TM4

. Avaliação interdisciplinar e diagnóstico;

TM5

. Polissonografia, exames clínicos, imagens e aspetos de interesse ao diagnóstico;

TM6

. Tipos e possibilidades de tratamentos: aparelhos de pressão positiva, aparelho intra-oral, cronobiologia, cirurgias orofaríngeas; tratamentos alternativos;

tema

Abordagem interdisciplinar e avaliação clínica

TM7

. Distúrbios do sono como preocupação mundial: repercussão dos efeitos da AOS e roncopatia em abordagem interdisciplinar;

TM8

. Anamnese, questionários validados para diagnóstico e sua aplicabilidade;

TM9

. Avaliação clínica específica dos tecidos moles orofaríngeos e funções orofaciais;

TM10

. Associação dos dados de história clínica, relações estruturais de tecidos duros e moles;

TM11

. Fenótipos;

TM12

. Evidências científicas e histórico na abordagem interdisciplinar;

TM13

. Critérios de Elegibilidade para o tratamento em terapia da fala;

tema

Equipamentos para diagnóstico e para tratamentos clínicos

TM14

. Breve resumo das guidelines AASM e ICSD;

TM15

. O diagnóstico dos distúrbios respiratórios do sono por níveis e exames complementares (MSLT);

TM16

. Leitura e interpretação de exames PSG e exames complementares (MSLT);

TM17

. Leitura e interpretação de exames cardiorrespiratórios/poligrafia cardiorrespiratória;

TM18

. Análise de relatórios de PSG e exame cardiorrespiratório;

TM19

. Equipamentos, sensores e acessórios;

TM20

. O diagnóstico dos DRS no laboratório (PSG);

TM21

. O diagnóstico dos DRS em casa (Poligrafia);

TM22

. Terapias por pressão positiva (CPAP; AutoCPAP; BS; AutoBS; SV);

TM23

. Análise de relatórios do equipamento;

TM24

. A otimização terapêutica no laboratório (PSG com titulação);

TM25

. A otimização terapêutica em casa (PSG monitorização da terapia)

TM26

. Exames complementares de monitorização terapêutica (capnografia, oximetria);

TM27

. Set up/monitorização de PSG;

TM28

. Set up/monitorização de exame cardiorrespiratório;

TM29

. Set up/monitorização exames complementares (MSLT e capnografia);

tema

Técnicas terapêuticas alternativas para roncopatia e apneia obstrutiva do sono

TM30

. Abordagem educativa e higiene do Sono;

TM31

. Abordagem clínica e procedimentos terapêuticos gerais para roncopatia;

TM32

. Abordagem clínica e procedimentos gerais para apneia obstrutiva do sono;

TM33

. Terapia miofuncional Orofacial: Exercícios miofuncionais orofaciais e funções estomatognáticas;

TM34

. Papel da terapia da fala como abordagem complementar ao uso de aparelhos de pressão positiva, de aparelho intra-oral e outras técnicas;

TM35

. Atuação complementar em casos cirúrgicos;

TM36

. Expectativas, adesão e resultados das diferentes técnicas terapêuticas.